Política

Wilson Santiago apresenta projeto para isentar quem recebe até 5 mil de pagar Imposto de Renda

Wilson Santiago apresenta proposta para isentar contribuintes com renda inferior ou igual a cinco salários mínimos por mês de pagarem o Imposto de Renda, ao mesmo tempo que atualiza a alíquota para faixas de renda superiores.

De acordo com o parlamentar, o atual sistema penaliza a classe média, enquanto que “congela” a cobrança do imposto sobre as classes mais altas. Ele apresentou, em sua justificativa, um dado que revela uma defasagem de quase 90% na correção do imposto de renda. Em 12 anos, a tabela foi atualiza abaixo da correção inflacionária.

“Ao longo desses últimos doze anos, pouco foi dado de reajuste na tabela de imposto de renda [com relação ao aumento da inflação]. Com isso, a base da cobrança do imposto de renda recai cada vez mais sobre a classe média e com isso penaliza a população brasileira que ganha menos salário”, afirmou.

Com a correção proposta por Wilson Santiago, quem ganha entre 5 e 7 salários mínimos passará a pagar um imposto de renda com base em alíquota de 7,50%; 7 a 9 salários mínimos, alíquota de 15%; entre 9 e 10 salários, alíquota de 22,50% e, acima de dez, 27,50%.

  • Assessoria

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.

Veja Também

Fechar
Fechar

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios