DestaqueGeral

Político uiraunense é preso pela Polícia Militar em cumprimento de mandado judicial

Na manhã desta sexta-feira (21), uma guarnição da Polícia Militar de Uiraúna, cumpriu um mandado de prisão expedito pela Vara Criminal da cidade, em desfavor de Wellinton Carlos Alencar de Souza, 32 anos.

Segundo a Polícia Militar, que cumpriu o mandado do judicial, o político é acusado de estelionato e furto, onde teria feito diversos empréstimos em benefício próprio em nome de pessoas aposentadas, incluindo vizinhos e familiares.

O acusado foi encaminhado para a Cadeia Pública de Uiraúna onde ficará preso à disposição da justiça.

Wellinton já foi candidato a Deputado Estadual em 2010, entretanto não foi eleito, concorreu também nas eleições 2018, desta vez a Deputado Federal pelo PROS, porém teve o registrado de candidatura indeferido pelo TRE, e também ao cargo de Vereador nos anos de 2004 e 2008 na cidade de Uiraúna.

A redação do Diário do Sertão entrou em contato com a defesa do político, o advogado Francisco Romano, onde informou que já está protocolando um pedido de revogação da prisão do seu cliente.

Fonte: Diário do Sertão

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Fechar

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios