Política

Gervásio centra-fogo em Lígia Feliciano e diz que pré-candidata ao governo não somou na gestão do PSB

O presidente da Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB), deputado estadual Gervásio Maia (PSB), colocou fogo na discussão em torno da pré-candidatura de Lígia Feliciano ao Governo do Estado e sobre uma possível nova aliança entre PSB e PDT. De acordo com Gervásio, se Lígia tivesse somado em um passado recente, o governador Ricardo Coutinho (PSB) não teria permanecido no governo, abrindo espaço para ela governar o estado.

”Eu não sei o que é que soma. É preciso avaliar melhor as coisas para saber o que é que soma ou não. Em um passado recente não somou, porque eu acho que se tivesse somado, Ricardo teria deixado o governo, e não deixou porque o projeto não era totalmente sintonizado. Se tivesse sido até o final, Ricardo teria deixado o governo”, disse.

No entanto, o socialista destacou que nunca houve nada de grave entre Lígia e o governo, apenas uma ruptura de projeto, e que eventualmente esta aliança pode reconstruir-se.

“Nunca houve nada de grave que pudesse criar uma ruptura de relação nem nada. Foi apenas uma ruptura de projeto, sobre a segurança do projeto. Foi só por isso, não foi por outra coisa. Tenho um respeito muito profundo por Damião e Lígia, mas a política é assim. As vezes da certo e as vezes não dá. Nesse episódio específico não dava. Mas tudo passa. A vida passa rápido. A gente tem que agregar bons sentimentos e tem muita coisa na vida que você consegue reconstruir. Por que não? E, nesse caso específico, não houve absolutamente nada de grave”, pontuou.

F: Blog do Gordinho

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Fechar

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios