Conecte-se conosco

Polícia

Polícia Civil ajusta serviços em delegacias para prevenir contaminação do coronavírus

Medidas estabelecem prioridades em atendimentos e proíbe viagens a trabalho de policiais para áreas de risco.

Publicado

em

Central de Polícia Civil em João Pessoa — Foto: Reprodução/TV Cabo Branco
header ads

A Polícia Civil da Paraíba ajustou os serviços prestados pelos servidores e delegacias para evitar a contaminação do coronavírus. Uma portaria foi divulgado na noite desta quarta-feira (18) e estabelece prioridades em atendimentos.

Entre as medidas anunciadas, está a suspensão imediata do registro presencial nas delegacias de ocorrências simples, que não tiveram o uso de violência. Com isso, perdas e extravios de objetos e documentos, acidentes de trânsito sem vítima e furtos somente serão registrados pelo site da delegacia online.

Esse serviço será ampliado a partir de segunda-feira (23), quando ocorrências de qualquer natureza também passarão a ser registradas virtualmente, desde que não sejam urgentes. No entanto, as ações que necessitam da rápida intervenção da polícia continuarão sendo atendidas normalmente pelas delegacias físicas.

Estão nessa lista os casos de morte e que necessitem da remoção de cadáveres, de violência doméstica e de crimes contra crianças e adolescentes, estupros, cárcere privado, sequestros, roubo e furto de veículos, cumprimento de ordens judiciais e prisões em flagrante ou apreensão de adolescentes.

A portaria ainda proíbe viagem a trabalho de policiais para áreas com risco de contaminação da doença e orienta também que o servidor fique 14 dias em casa, após voltar de viagem particular feita a algum local afetado pela pandemia.

A portaria também recomenda que policiais com gripe ou resfriado não transitem nas instalações da Polícia Civil. Servidores que tenham 60 anos de idade ou doenças crônicas poderão trabalhar de casa ou compensar os horários posteriormente.

Os chefes de setores estão autorizados a fazer escalas para reduzir a quantidade de servidores nas unidades policiais sem prejudicar os trabalhos. Além disso, cursos, treinamentos e qualquer evento de aglomeração de pessoas estão proibidos e janelas dos veículos e salas devem permanecer abertas para aumentar a circulação do ar.

Fonte: G1 PB 19/03/2020 06h16

--Publicidade--
Clique para comentar

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.

Polícia

Homem é preso após tentar assaltar casa e ser atacado por pit bull

Cão da raça pit bull atacou o suspeito quando ele tentava invadir a residência, na cidade de Pitimbu

Publicado

em

Suspeito foi conduzido sob custódia para o Hospital de Trauma de JP (Foto: Reprodução/Divulgação/Secom-PB)
header ads

Um homem foi preso após tentar assaltar uma casa e ser atacado por um cachorro, na cidade de Pitimbu, no Litoral Sul da Paraíba, na tarde desse domingo (29).

Segundo a Polícia Militar, o cão, da raça pit bull, atacou o suspeito quando ele tentava invadir a residência. O criminoso, que portava uma arma de fogo, ainda chegou a atirar contra o animal, que não foi atingido.

“O cachorro avançou contra o rosto do suspeito e o feriu na região do maxilar. Nesse momento, o dono da casa conseguiu tomar a arma dele e impediu que o cachorro continuasse o ataque”, disse um dos policiais que registraram a ocorrência.

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência foi acionado e conduziu o suspeito ferido sob custódia da PM para atendimento no Hospital de Emergência e Trauma Senador Humberto Lucena, em João Pessoa. Segundo a assessoria de imprensa da unidade de saúde, após passar por cirurgia, ele apresentava, na manhã desta segunda-feira (30), quadro clínico estável, estando consciente e orientado.

Fonte: Portal Correio
30 de março de 2020

Continue lendo

Polícia

Mais de 65 kg de maconha são apreendidos na Praia de Ponta de Matos

Droga estava em um barraco de taipa na Praia de Ponta de Matos em Cabedelo. Nenhum suspeito foi preso

Publicado

em

Droga foi levada para a Central de Flagrantes, na Capital (Foto: Reprodução/Divulgação)
header ads

A Polícia Militar apreendeu, nesse domingo (29), mais de 65 quilos de maconha que seriam distribuídos esta semana nas cidades de Cabedelo e João Pessoa. O entorpecente estava escondido dentro de um barraco de taipa localizado em uma área de pesca na Praia de Ponta de Matos, em Cabedelo.

Nenhum suspeito foi preso, mas a polícia já suspeita quem é o grupo ligado ao esquema. A apreensão foi resultado de um trabalho conjunto entre a Força Tática do 5º Batalhão e a Força Tática da 6ª Companhia Independente da PM, a partir de denúncias anônimas.

Toda a droga foi encaminhada para a Central de Flagrantes, em João Pessoa.

Fonte: Portal Correio
30 de março de 2020

Continue lendo

Polícia

Polícia Militar é acionada para conter aglomeração em velório em Cajazeiras

Uma guarnição foi ao local e orientou as pessoas presentes e o caso solucionado no local

Publicado

em

header ads

Por volta das 15h30 desta sexta-feira (27), a Polícia Militar de Cajazeiras, foi acionada por uma funcionária de uma Central de Velório, no Centro da cidade, onde pessoas estavam se aglomerando, mesmo com o pedido da família do defunto.

Uma guarnição foi ao local e orientou as pessoas presentes e o caso solucionado no local.

 

F:Sertão Informado

Continue lendo

Destaques