Home > Política > Prefeito de Sousa entra na justiça com processo contra radialista

Prefeito de Sousa entra na justiça com processo contra radialista

Prefeito de Sousa, Fábio Tyrone (PSB), através do advogado Danilo Marques da Nóbrega, ingressa com ação de queixa-crime no 2º JuizadoEspecial  da Comarca de Sousa, contra o radialista sousense, Thales Gadelha, por prática de crimes de difamação e injúria.

Conforme os termos da queixa-crime, o comunicador usou seu programa radiofônico, para proferir, segundo o gestor sousense, inverdades contra a sua pessoa.

Em conformidade aos fatos narrados na queixa-crime, no dia 15 de dezembro de 2018, o prefeito Tyrone foi surpreendido com matéria jornalística de autoria do radialista, veiculado em programa jornalístico, manchando a sua imagem enquanto gestor e enquanto cidadão. Durante vários minutos o radialista desferiu palavras de baixo calão, atribuindo os mais diversos adjetivos pejorativos que possa imaginar visando única e exclusivamente atacar e abalar a moral, imagem e honradez do prefeito de Sousa.

Ainda de acordo com a ação, nota-se, portanto, que o radialista é uma pessoa habituada a condutas que visam, mediante ostentação pública e sem qualquer fundo de verdade, denigrir a imagem e honra de pessoas de bem, com a divulgação de fatos inverídicos, comprometedores e desonrosos. Tal postura por parte do comunicador coincide com a sensação de perseguição, uma vez que foram vários os momentos e tentativas de denegrir a imagem do gestor sousense.

O advogado Danilo Nóbrega relatou que o prefeito ficou surpreso com os tais fatos narrados pelo jornalista: “com sentimentos de pesar, desolação e indignação que o prefeito de Sousa recebe as tais acusações, pois trata-se de pessoa ilibada conduta moral e social, cidadão reconhecido por todos os seguimentos da sociedade, sério e próspero empresário, sempre comprometido com as realizações sociais e de justiça”.

Por fim, o advogado narra que o radialista de forma injustificada, gratuita e leviana, proferiu ataques pessoais contra o gestor sousense, almejando denegrir sua imagem junto à população, iniciando assim, acusações e ofensas de ordem pessoal, de forma pública para atacar e agredir cruelmente o caráter, a pessoa e a imagem, visando exclusivamente e desmoralização moral e social daqueles que sempre procuraram trilhar no caminho da verdade e da justiça social, atingindo-os, desta forma, a honra e a imagem.

Nas alegações do advogado Danilo Marques da Nóbrega, a queixa-crime é concluída com pedido ao Juízo para condenar o comunicador pelos crimes contra a honra (difamação e injúria).

Repórter PB

Sobre Francisco Marcos

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
x

Veja Também

Em Brasília, Wilson Filho acompanha João Azevêdo em reunião com deputados federais.

Apesar da pausa nas atividades da Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB), o trabalho não acaba para o deputado estadual Wilson ...