Home > Política > Frente Brasil Popular de Sousa realiza ato pela liberdade e candidatura de Lula

Frente Brasil Popular de Sousa realiza ato pela liberdade e candidatura de Lula

A Frente Brasil Popular de Sousa-PB promoveu domingo (15), às 6h, de julho na Feira da Estação, em frente à antiga Rede Ferroviária Federal, um ato em defesa da liberdade, da candidatura do  presidente Lula e em defesa da democracia brasileira. Houve distribuição de panfletos, do jornal Brasil de Fato da Frente Brasil Popular e discursos. A resistência ao golpe da prisão de Lula está crescendo, e é preciso intensificar até que nos devolvam nossa democracia.

Estiveram presentes lideranças como o vereador do Partido dos Trabalhadores de João Pessoa e pré-candidato a deputado federal, Marcos Henriques, o coordenador da Frente Brasil Popular de Sousa-PB, Carlos Guedes (Carlos Poeta), o ex-vereador, ex-vice-prefeito de Sousa, advogado marxista, Francisco Valdemiro Gomes (Chiquinho do PT), o professor aposentando da UFCG, Antônio Nóbrega, o  representante do Sindicato dos Servidores de IFPB, Francisco Queiroga,   o professor do IFPB e membro do Movimento Consulta Popular, Pedro Couto, a dirigente do MST,  Gorete Silva, a coordenadora da Fazenda Brasil Cabloco,  Francisca Santos, os assessores do vereador Marcos Henrique, José  Queiroz e Jefferson Palmeira, o presidente dos Sindicato dos Comerciários de Sousa, Kerlen Pereira e demais companheiros e companheiras do  Partido dos Trabalhadores.

37160977_1869573029830740_8974473021284679680_n

Na sexta-feira (13), aconteceu o dia Nacional de Luta – Lula Livre, uma série de atos, panfletagem e mobilizações em defesa do ex-presidente e contra o circo jurídico. O dia 13 de julho marca o início de uma caminhada histórica: o aquecimento para o grande ato no dia 15 de agosto, quando os movimentos sociais, os defensores da democracia e lideranças nacionais irão registrar a candidatura de Lula à Presidência da República, em Brasília.

VEREADOR MARCOS HENRIQUE (1)

 “É imperioso chamar atenção da população sousense para o que aconteceu no último domingo (8), uma ação parcial de setores do Poder Judiciário, de parte do TRF-4, que rasgou a Constituição Federal para manter Lula encarcerado”, destacou o advogado Chiquinho do PT. “Apenas com muita pressão e mobilização popular conseguiremos garantir o direito de Lula ser candidato”, reforçou.

“ Manter o ex-presidente Lula no cárcere é um projeto das elites para “interditar a causa que ele (Lula) representa e defende: a inclusão social, a promoção dos direitos do povo, das mulheres, crianças, negros, indígenas, das pessoas com necessidades especiais; a valorização dos salários e a geração de empregos; o apoio às pequenas e médias empresas, à agricultura familiar e à reforma agrária; a defesa da soberania nacional e a construção de uma  sociedade livre, justa e solidária”, disse o o coordenador da Frente Brasil Popular de Sousa-PBCarlos Guedes.

“È fundamental  que a sociedade brasileira tome consciência da perseguição ao nosso ex-presidente Lula, a maior liderança politica deste país. Precisamos alertar ao povo brasileiro da importância  das eleições deste ano e denunciar  a ameaça aos direitos da classe trabalhadora, a diminuição significativa dos recursos para os programas sociais, o congelamento de investimentos da União por 20 anos, representando grave ameaça aos brasileiros, principalmente no que se refere a direitos básicos como educação, segurança e saúde”, disse o vereador do Partido dos Trabalhadores de João Pessoa e pré-candidato a deputado federal, Marcos Henriques.

Lula foi o primeiro operário a ocupar a Presidência da República,  de origem humilde, ainda era criança quando sua família migrou de Pernambuco para São Paulo. Lá, foi metalúrgico e sindicalista, período no qual recebeu a alcunha “Lula”, forma hipocorística de “Luís”. Durante a ditadura militar, organizou grandes greves de operários no ABC Paulista. Empossado presidente da República em janeiro de 2003, o governo Lula teve como marcos a introdução de programas sociais, como o Bolsa Família e o Fome Zero, ambos reconhecidos pela Organização das Nações Unidas como os programas que possibilitaram a saída do país do mapa da fome.

 

Abdias Duque de Abrantes

Jornalista MTB-PB Nº 604

Sobre Francisco Marcos

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
x

Veja Também

Prefeito de São João do Rio do Peixe anuncia previsão de gasto de R$ 2,447 milhões com combustíveis

Em São João do Rio do Peixe, o Prefeito Airton Pires anuncia previsão de gasto em combustíveis para o exercício ...