Temer exonera ministros para aprovar PEC dos gastos públicos na Câmara

O presidente Michel Temer exonerou os ministros Bruno Araújo, do Ministério das Cidades, e Fernando Coelho Filho, do Ministério de Minas e Energia. As duas exonerações temporárias foram publicadas na edição desta segunda-feira (10) do "Diário Oficial da União".


A medida vai permitir que os dois ministros retomem seus mandatos de deputados federais para participarem da sessão da Câmara marcada para votar a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) que cria um teto para os gastos públicos. A sessão está marcada para ocorrer ainda nesta segunda-feira.

Confiante na aprovação da PEC, o governo espera contar com mais de 350 votos para garantir a proposta. A afirmação é do ministro da Secretaria de Governo, Geddel Vieira Lima, responsável pela articulação política do governo.
O ministro falou com a imprensa após jantar oferecido pelo presidente Michel Temer na noite desse domingo (9), no Palácio da Alvorada, a deputados que integram partidos da base aliada. Durante o jantar, o presidente pediu aos parlamentares apoio para a aprovação da proposta.

Fonte: Último Segundo 

Compartilhe esta noticia:

Postar um comentário

 
Copyright © UIRAÚNA EM FOCO. Designed by Rafael Matias