Mulher é vítima de suposto espancamento na zona Rural de Cajazeiras, é resgatada por militares, mas na DP mulher desiste de representar contra seu amor



Uma guarnição comandada pelo Sargento  Edgley composta pelos soldados Albervandro e Levi, foram solicitados pelo COPOM do 6º BPM de Cajazeiras para se deslocar até o sítio Caeiras, onde segundo informações de populares um casal teria entrado em vias de fato e que a mulher estaria lesionada.

De imediato a guarnição chegou ao local onde foi constatado a veracidade da informação. Os militares conseguiram prender o suposto acusado, bem como encontraram a mulher caída ao solo e desacordada num lugar de difícil acesso, sendo que os militares improvisaram uma maca feita com duas calças com duas estacas, onde conseguiram conduzir a suposta vitima até um local seguro.

Ambos os foram encaminhados para a delegacia de Cajazeiras, e para surpresa dos militares a vítima não quis representar contra seu amado e relatou ter sofrido uma queda. Os dois foram liberados pelo delegado plantonista, pois a vítima se negou a registrar o boletim. 

F: Angelo Lima

Compartilhe esta noticia:

Postar um comentário

 
Copyright © UIRAÚNA EM FOCO. Designed by Rafael Matias