Idoso é preso por vender apartamento usando documentos falsos

A Polícia Civil da Paraíba, por meio da Delegacia de Defraudações e Falsificações (DDF) da Capital, prendeu na tarde desta quarta-feira (29), Antônio Aguiar Leite, 66 anos, natural da cidade de Queimadas, no Agreste paraibano. Ele é investigado por fraudes relacionadas à negociação de imóveis com documentos falsos. Um desses imóveis seria um apartamento localizado no bairro do Bessa, na zona Norte de João Pessoa, avaliado em mais de R$ 200 mil que Antônio já teria vendido a uma construtora que repassou o valor de R$ 250 mil para o suspeito por meio de depósitos bancários em nome de Antônio e de outras pessoas.


As investigações começaram há cerca de 20 dias com o monitoramento dos possíveis endereços e locais em que o suspeito poderia estar. No entanto, a prisão em flagrante só foi realizada na tarde desta quarta-feira, após confirmação feita pela equipe de investigação da DDF, em atuação conjunta com o setor de fraudes da Caixa Econômica Federal. “Antônio foi identificado realizando saques dos valores repassados na negociação em uma agência da Caixa, situada na Rua das Trincheiras, Centro, de João Pessoa. A nossa equipe foi imediatamente ao local, conseguindo identificar e prender o suspeito, que estava de posse da quantia de R$ 7 mil. O dinheiro foi sacado minutos antes da prisão. O suspeito estava em poder, ainda, de uma Carteira de Habilitação em nome da vítima, utilizada para fazer a negociação”, disse o delegado Lucas Sá, responsável pelas investigações.
O dono do apartamento que estava sendo vendido de forma ilegal pelo suspeito, mora no estado de Pernambuco e já foi informado pela polícia sobre a negociação ilícita e da prisão do suspeito. Os R$ 250 mil repassados pela construtora como pagamento pelo apartamento no bairro do Bessa já foram rastreados e bloqueados. Assim que for identificada, a quantia será devolvida à empresa.
A Delegacia de Defraudações e Falsificações recebeu a informação que estava praticando o golpe da venda de imóveis falsos há algum tempo. Para realizar o crime ele estaria contando com a colaboração de outras pessoas. As investigações agora vão seguir para identificar e prender os outros integrantes do grupo. A polícia também quer saber quantas pessoas foram vítimas das fraudes praticadas por Antônio, por isso pede para que elas procurem a DDF na Central de Polícia, no bairro do Geisel, ou comuniquem os casos por meio do telefone 197, Disque Denúncia da Secretaria da Segurança e da Defesa Social (Seds). Não precisa se identificar. As denúncias serão investigadas e se forem comprovadas vão fazer parte do inquérito policial.
Antônio Aguiar Leite foi autuado por estelionato. Ele vai ficar preso na carceragem da Central de Polícia aguardando a audiência de custódia. Se não for liberado pela Justiça, será encaminhado para o Presídio do Roger para cumprir prisão preventiva.

Assessoria

Compartilhe esta noticia:

Postar um comentário

 
Copyright © UIRAÚNA EM FOCO. Designed by Rafael Matias