OPERAÇÃO ANDAIME: Relatório da Polícia Federal aponta que empresário Marinho pagava despesas do ex-prefeito Carlos Antônio.


As investigações relacionadas a operação Andaime, no chamado núcleo com atuação na cidade de Cajazeiras, demonstram, de acordo com o relatório da Polícia Federal, que o empresário Mário Messias Filho (Marinho), que se encontra preso no Presídio Regional de Cajazeiras e é considerado o principal operador do esquema, pagava despesas do ex-prefeito Carlos Antônio e de sua família.

Anotações apreendidas na casa do empresário Marinho mostra, por exemplo, apontamentos escritos indicando valores para depósito em conta bancária do ex-prefeito Carlos Antônio, bem como para o emplacamento de carro de Carlos Filho, além de outras despesas. 

Como o trabalho comandado pelo MPF é feito em sigilo, não se sabe quando será desencadeada uma nova fase da operação andaime, direcionada para o núcleo de Cajazeiras, nos moldes da que foi desencadeada no município de Monte Horebe, que resultou na prisão da prefeita e de outros envolvidos.


Vejam as anotações :


F: Ângelo Lima

Compartilhe esta noticia:

Postar um comentário

 
Copyright © UIRAÚNA EM FOCO. Designed by Rafael Matias