Aluna de escola pública rural é 1º lugar em medicina.


Uma adolescente que estou em escola pública, na zona rural do Ceará, passou em primeiro lugar em medicina.
Diana Maria da Silva, 17 anos, é de Tanguá, a 335 km de Fortaleza, vai estudar na Universidade Federal do Ceará (UFC), no campus de Sobral.
Filha de professora e de pedreiro e vigia noturno, Diana era candidata do Sistema de Seleção Unificada (Sisu) 2016 pelo sistema de cotas.
Ela conseguiu o primeiro lugar das vagas reservadas para estudantes escolas públicas.
“Foi maravilhoso. Fiquei muito ansiosa nos dias que antecederam o resultado. A felicidade foi enorme”, descreve.
Diana conciliou o ensino médio na escola Professor Sebastião Vasconcelos Sobrinho com curso técnico em contabilidade em escola de tempo integral.
Ela também fez cursinho pré-vestibular no turno da noite.
O fato de morar longe da escola e do cursinho era um empecilho. “Para ir e vir da escola utilizava um ônibus disponibilizado para a prefeitura. Mas para ir ao cursinho era mais difícil, pois apesar de haver um ônibus à noite muitas vezes o cursinho acabava tarde e eu perdia o transporte tendo que me hospedar na casa de amigos.”
Dicas
Para Diana, o “segredo” para os bons resultados não é tão mistério assim: “organização e dedicação”.
“Mesmo com todos os empecilhos sempre busquei aproveitar meu tempo naquelas matérias nas quais tinha mais dificuldade, melhorando meus pontos fracos.”
Além disso, Diana cita o apoio da família, professores, e do grupo de estudos que ela montou com os amigos, momento de incentivo e troca de dicas e livros. “Hoje todos estão aprovados em universidades federais”, destaca.
Além de estudar, o tempo livre era dedicado, principalmente, para ler, “minha paixão desde criança”, e sair com os amigos. “Sempre busquei reservar pelo menos um momento do fim de semana para fazer essas coisas, mesmo com a semana puxada”.
“O importante é se conhecer e saber quais os pontos fracos e fortes e em que é necessário dedicar mais atenção, e saber aproveitar o tempo.
O Enem é uma prova de conhecimento, mas que exige também muito do raciocínio crítico do aluno e de preparo psicológico, por isso é necessário estar sempre atualizado e ler bastante”, orienta.

Com informações do G1

Compartilhe esta noticia:

Postar um comentário

 
Copyright © UIRAÚNA EM FOCO. Designed by Rafael Matias