Irmãs gêmeas esfaqueiam homossexual e vítima promete vingança: “Terá furacão”

O motivo da briga ainda não foi apurado pela polícia sertaneja.

Irmãs gêmeas esfaqueiam homossexual e vítima promete vingança: “Terá furacão”
Irmãs gêmeas esfaqueiam homossexual
Duas irmãs gêmeas, menores de 17 anos de idade foram apreendidas por policiais militares nessa quarta-feira (11), depois de golpearem com facas de mesa o homossexual Cicero Gomes Pereira, de 38 anos, que sofreu três perfurações. Ele foi socorrido para o hospital de Itaporangae, depois, transferido para o regional de Patos. Há suspeita de uma lesão pulmonar em razão de uma das facadas ter atingido suas costas.
A confusão foi em um bar, nas proximidades do terminal rodoviário de Itaporanga. Uma segunda pessoa, Sumária Santos Carvalho ficou ferida no braço durante o tumulto, segundo a polícia, sem gravidade. O motivo da briga ainda não foi apurado, mas a informação é que as vítimas bebiam, quando foram surpreendidas pelas gêmeas, cada uma armada com uma faca de mesa, que investiram contra o homossexual, que reside nos arredores da Vila Mocó.
As adolescentes moram em um local chamado de Beco do Mandaú e vivem em grave vulnerabilidade desde a infância em face das difíceis condições de vida da família. Elas foram recolhidas à delegacia e apresentadas à Promotoria da Infância e Juventude.
O outro lado
No WhatsApp foi divulgado um suposto áudio da vítima mais grave, Cicero Gomes afirmando que não o derrubaram e prometendo vingança: “Ainda não morri. Quando voltar a cidade terá furacão. Beijos e se cuidem quem me dever”.
Ouça áudio!
 Folha do Vali

Compartilhe esta noticia:

Postar um comentário

 
Copyright © UIRAÚNA EM FOCO. Designed by Rafael Matias