Sob ameaças de prisão, Aviões do Forró é expulso do palco quando ia fazer show


Ameaçados de serem presos, Banda deixa palco no show e dá satisfação aos fãs (Foto: Reproduçã
A madrugada deste domingo (4) marcou de forma triste a brilhante história da banda Aviões do Forró. Os vocalistas Xand e Solange Almeida foram impossibilitados de completar o show em São Luís, capital do Maranhão, sob ameaças de prisão.
Na capital maranhense, vigora uma lei municipal que proíbe que shows musicais sem isolamentos acústicos se estendam até depois das 3h. Contratados como estrelas do evento “Aviões Pra Todo Mundo“, a banda subiu ao palco somente às 2h20, sendo obrigada a finalizar a apresentação com apenas 40 minutos de duração.
O fato gerou revolta no público. Ainda no palco, Solange e Xand explicaram a situação para os presente e se desculparam. “Eu quero agradecer a vocês e pedir desculpas. A culpa não foi nossa. Mas se a gente continuar, a gente vai ser preso, e a gente não pode ser preso. Tenho 4 meninos para sustentar, ele (Xand) mais 4, e uma infinidade de pessoas aqui. São Luís, desculpa. De verdade, a culpa não foi nossa. Chegaram aqui, mandaram a gente parar ou a gente vai ser preso”, se lamentou Solange.
Com a voz embargada, Xand complementou: “você (Solange) falou tudo. Eu não tenho o que falar. Desculpa, gente. A gente tem que respeitar a lei“, finalizou. Vaias do público ecoaram durante o posicionamento dos cantores.
Em comunicado no Instagram, a banda reforçou a responsabilidade em cumprir as leis impostas.” O Aviões acata quaisquer diretrizes municipais, estaduais e/ou federais, principalmente nos cumprimentos de horários, é um dever… mas infelizmente não tivemos como concluir o show e tampouco nos despedir, explicar e agradecer ao nosso público”, afirmou a nota.
Além de Aviões do Forró, o evento contou ainda com as participações de Dorgival Dantas, Xé Pop, Bruno Shinoda e Xavecada.
A festa foi organizado pela produtora local 4 mãos Entretenimento, com ingressos que variavam de R$ 40 a R$ 160. As apresentações no Espaço Reserva tiveram início às 19h.
Caso gera revoltas nas redes sociais
A produtora do evento foi o grande alvo do público que esteve presente no show. Nas redes sociais, os fãs reclamaram de descaso com o consumidor. “O show foi um fiasco! Ingresso caro, falta de organização total na entrada, para simplesmente Aviões, a banda mais esperada, tocar 45 minutos. O que foi isso? Eu esperava mais! Muita falta de respeito!“, reclamou um internauta na página oficial da 4 Mãos no Facebook. “O público merece uma explicação!”, bradou outra internauta.
Já na página da banda, o tom do desabafo era de compaixão com Xand e Solange. Vocês foram vítimas, assim como o público”, escreveu uma fã. “Voltem, mas não em eventos dessa produtora lixo;,
corroborou outra. Isso é um desrespeito com o público que paga para ver seus artistas, completou um fã.
O Procon irá autuar empresa organizadora.
Em resposta às inúmeras reclamações dos consumidores, o diretor do Órgão de Proteção e Defesa do Consumidor no Maranhão (Procon­MA), Duarte Júnior, afirmou, em pronunciamento nas redes sociais, que notificará a empresa 4 Mãos Entretenimento pelo ocorrido. Segundo ele, o encerramento inesperado no show “afronta os direitos básicos do consumidor”. “Descumprimentos de horários em eventos caracterizam falha na prestação, geram uma grande insegurança jurídica e prejudicam os consumidores que acabam por frustar suas expectativas”, ressaltou Duarte Júnior, que incentivou os consumidores que se sentiram lesados a formalizarem denúncia no Procon.
A empresa ainda não emitiu nenhum posicionamento. Já na página da banda, o tom do desabafo era de compaixão com Xand e Solange. 
“Vocês foram vítimas, assim como o público”, escreveu uma fã. 
“Voltem, mas não em eventos dessa produtora lixo”, corroborou outra. “Isso é um desrespeito com o público que paga para ver seus artistas”, completou um fã.
Diário do Nordeste

Compartilhe esta noticia:

Postar um comentário

 
Copyright © UIRAÚNA EM FOCO. Designed by Rafael Matias