“NÃO DÁ MAIS”: Da Paraíba ao Rio de Janeiro, autoridades da Segurança Pública desabafam

“NÃO DÁ MAIS”: Da Paraíba ao Rio de Janeiro, autoridades da Segurança Pública desabafam
Parece até que foi combinado. Na manhã desta segunda-feira, 21 de setembro, a rádio Campina FM veiculou uma entrevista com o comandante do 2° BPM, major Gilberto, e na pauta estava uma situação que não se sustenta mais no Brasil: a fragilidade de algumas leis que contribuem para a sensação de impunidade e, por consequência, o aumento da violência.
Em sua fala, o major lembrou que, de janeiro a setembro deste ano, somente os policiais do 2° BPM realizaram mais de 940 prisões, metade delas por roubo, furto e porte ilegal de armas. E o comandante prevê que a maioria desses infratores não permaneceu presa. “É um ordenamento jurídico falho, frouxo e que favorece a criminalidade. A sociedade não aguenta mais”, desabafou o major.
Nesta mesma segunda-feira, a mídia nacional repercutiu uma entrevista do secretário de segurança pública do Rio de Janeiro, José Mariano Beltrame, à rádio CBN, sobre os ‘arrastões’ nas praias cariocas e outros crimes. Parcela da sociedade do Rio estaria insatisfeita com a atuação da Polícia Militar naquele estado, o que também entrou na conversa com o secretário.
“A sociedade fala muito em direitos, mas se esquece de seus deveres. Cada direito implica num dever, num compromisso e numa responsabilidade. Eu já disse e vivo dizendo: a polícia hoje está enxugando gelo. É uma polícia constrangida. Se ela atua, abusou do poder. Se não atua, ela prevaricou”, disparou Beltrame.  
VAMOS COMBINAR?
Gilberto e Beltrame não 'articularam' suas entrevistas. Eles sequer se conhecem. Apenas expuseram quase que no mesmo instante uma das causas da violência no Brasil que muita gente ainda faz de conta que não vê.
Por fim, mais duas declarações nas respectivas entrevistas. O leitor/cidadão brasileiro que lute pelo país que ele julga merecer...
O sinal vermelho está ligado. A sociedade precisa refletir” (major Gilberto

F: Paraíba em QAP

Compartilhe esta noticia:

Postar um comentário

 
Copyright © UIRAÚNA EM FOCO. Designed by Rafael Matias